|

quinta-feira, março 10, 2005

Sampaio e a Educação

Sampaio apela à qualificação dos portugueses. Alguns comentários no 4R .

Lá apanhámos outra vez com o discurso politicamente correcto, redondo, mole.

Mas, mais grave, muito mais grave: Sampaio condecorou Ana Benavente.

Cito: "O dr. Sampaio consegue, com igual ineficiência e esfericidade, falar de educação, como fala de justiça, perorar sobre saúde, como disserta acerca de relações exteriores, ou seja, muitas frases alinhando em sucessiva catadupa, extenuantemente prolixo, as mais das vezes sem que alguém alcance verdadeiramente perceber o que quer dizer. Chega-se a especular se tudo aquilo não será propositado, para criar desnorte nas hostes contrárias, mas logo se afasta a ideia, por duas ordens de razões: a primeira, porque, a bem dizer, quem serão para o presidente de todos os portugueses as hostes contrárias?; a segunda, porque, bem vistas as coisas, jamais alguém conheceu Jorge Sampaio diverso deste, confuso, circundante, difusamente objectivo, redundante à saturação."

Ai que saudades das próximas presidenciais...

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home


Weblog Commenting and Trackback by HaloScan.com